37% dos brasileiros sofrem com dor crônica

37% dos brasileiros sofrem com dor crônica

Pesquisa da Sociedade Brasileira para Estudo da Dor (SBED) indica que 37% dos brasileiros sofrem com dor crônica.

Charles Amaral de Oliveira, anestesiologista e presidente da Sobramid explica que a dor aguda que ocorre pontualmente não deve ser negligenciada, já que dela se formam os casos crônicos. “A dor aguda acusa a pessoa de que algo de errado está no corpo e isso é um sinal de alerta. A dor crônica deixa de ser um sinal e passa a ser a própria doença. E ela vai levando a um desdobramento, que é estresse, ansiedade e depressão, que agravam a dor”.

De acordo com a pesquisa, a faixa etária média de ocorrência da dor é 41 anos. Além disso, os relatos de mulheres com dor crônica são mais frequentes na maior parte das regiões brasileiras, já que apenas na região Nordeste o quadro é invertido, onde a dor prevalece nos homens. Em uma escala de 1 a 10, a intensidade de dor relatada foi maior de 6 em todas as regiões do Brasil, nível que é classificado como moderado e suficiente para provocar impactos nas atividades diárias.

Deixe uma resposta